Notice: Undefined variable: s5_menu_text in /var/www/html/templates/campus_life/index.php on line 190

O Colégio de Aplicação pauta as suas atividades pedagógicas na linha Sociointeracionista, que diferentemente de um método é uma metodologia que toma como base o conhecimento real da criança para que se alcance o conhecimento potencial. O Sociointeracionismo defende a importância da interação do sujeito com o meio no qual ele vive e por meio desta interação se dá a construção do conhecimento. Incentivar a curiosidade e a vontade de aprender são os principais desafios de uma escola sociointeracionista.

Lev Semenovich Vygotsky (1896/1934) foi pioneiro na noção de que o desenvolvimento intelectual das crianças ocorre em função das interações sociais, acreditando que o ser humano constitui-se como sujeito na sua relação social com o outro e com a cultura. Essa metodologia começou a ser difundida nas escolas do Brasil por volta da década de 70, com os estudos de Jean Piaget ligados a ela.

Nessa proposta o Colégio de Aplicação acredita que a aprendizagem deve ter o estudante como o centro, ele aprende identificando-se, imitando, brincando, fazendo analogias, opondo-se, codificando e decodificando símbolos e seus significados, sempre num ambiente social que preza a construção do conhecimento e que valoriza o seu próprio saber. A conduta do professor passa de um agente detentor do conhecimento para um mediador ativo, com a possibilidade de trocar experiências com as turmas, trazendo o seu histórico pessoal e propondo questionamentos e ações que levam à motivação dos educandos, que participam ativamente da aquisição de conhecimentos.

Na Educação Infantil a proposta se dá por meio de Projetos Pedagógicos, que surgem a partir do centro de interesse das turmas e cabe à professora relacionar as habilidades a serem desenvolvidas com o tema a ser estudado. No Ensino Fundamental além da realização de alguns projetos pedagógicos, a proposta se dá por meio do desenvolvimento de habilidades objetivando o aprimoramento de competências, frutos de uma aprendizagem significativa pautada da interação com o conhecimento.  

No ensino Fundamental II e Ensino Médio, as habilidades desenvolvidas adquirem níveis de proficiência mais elevados, com novos assuntos e também agregando novos conhecimentos. O Ensino Médio configura-se como um momento em que necessidades, interesses, curiosidades e saberes diversos confrontam-se com os saberes sistematizados. Dessa forma, este segmento deve abranger todas as dimensões da vida, possibilitando o desenvolvimento pleno das potencialidades do educando, preparando para a vida e para o ENEM/Vestibulares, ensinando para a vida profissional e dando diretrizes para a inserção no mercado de trabalho.
  
Rua Benjamin Constant, 213 
Centro - Petrópolis/RJ

Ens. Fundamental II e Ensino Médio:
24 2244-4012 ou 24 2244-4015
Educação Infantil e Ens. Fundamental I:
24 2244-4011
colegio.aplicacao@ucp.br

Parceiros